terça-feira, 12 de maio de 2009

Prós e Contras

O programa televisivo "Prós e Contras", ontem, com os representantes de todos os partidos provou que é possível, que é melhor e que é assim que deve ser.

Laurinda Alves esteve ontem no segundo debate televisivo sobre as eleições europeias do programa da RTP "Prós e Contras". Depois da polémica provocada pelo primeiro programa para o qual foram apenas convidados os "grandes partidos" e da posição do MEP de só participar num segundo debate se todos os partidos estivessem presentes, este debate confirmou a justeza das nossas tomadas de posição públicas.

O debate com os 13 partidos que apresentam listas às eleições europeias não só foi possível como foi mais rico e mais esclarecedor que o anterior. Uma tendência para reduzir a vida democrática à vida dos partidos e a vida destes às questiúnculas, ao "disse-que-disse" e ao lugar-comum deu ontem lugar a uma preocupação com a inteligibilidade e o apelo ao senso comum. Laurinda Alves foi um agente fundamental dessa mudança. Porque fez pontes entre partidos sem perder a identidade, porque exigiu inteligibilidade no discurso sem ser populista, porque foi firme onde devia ser ( na defesa dos imigrantes p.e.) e cordata sempre que podia. Laurinda Alves várias vezes deu o mote para o debate e não raras vezes despertou nos seus pares cumplicidades e abanares aquiescentes de cabeça.

O papel de Laurinda Alves no debate de ontem prova que uma só pessoa agindo livremente e com a política na cabeça pode fazer a diferença. Não será isto uma parábola do MEP na Europa, no País e nas Cidades?

Parabéns Laurinda!

8 comentários:

Henrique Joaquim disse...

Aguardei este debate com expectativa. Assumo agora publicamente que não percebi a estratégia inicial de participarem apenas nos debates com todos os partidos. Ontem percebi porquê!

PARABÉNS! De facto é possível estar de maneira diferente e fazer melhor! POr isso Parabéns Laurinda Alves e obrigado ao MEP por dar a possibilidade a pessoas destas para serem e fazerem política pela positiva.

Henrique Trigueiros Cunha disse...

Bom dia
Sou Henrique Trigueiros Cunha, 38 anos, cidadão eleitor Português e há tempos que venho prestando atenção ao vosso movimento seduzido pela forma clara com que apresentam as vossas ideias.
Não tendo tido nenhuma actividade política relevante até ao momento por não me rever em nenhum dos projectos até aqui existentes,
desde há muito que sinto o apelo do dever (cívico) de apoiar quem faz, no domínio da política, algo pelo nosso País.
O que me motivou a escrever esta mensagem foi mesmo a brilhante participação de ontem da candidata Laurinda Alves no programa especial eleições, apresentando um discurso sereno, objectivo, falado em 'português' que todos entendem, dirigido para assuntos concretos e apontando o que de bem se faz e o que se pode melhorar (na prática), sem nunca se colocar contra ninguém mas abordando de forma elegante e construtiva as opiniões divergentes.
O que a vossa candidata fez foi a meu ver extraordinário e simples - explicou por palavras claras para que precisamos de um deputado Europeu e o que é que um deputado Português em Bruxelas pode fazer por nós (Portugueses). Quem prestou atenção percebeu que um deputado a trabalhar pode
mesmo fazer a diferença! Para mim foi a melhor contribuição do debate na perspectiva do combate à abstenção!
Laurinda Alves conseguiu ainda fazer algo mais notável. Com as suas sóbrias intervenções por várias vezes re-centrou o debate nos assuntos verdadeiramente importantes (e relacionados com as próximas eleições) levando mesmo os restantes participantes a seguir o seu raciocínio,
'obrigando-os' a clarificar e explicar os seus programas, propostas e ideias - tal como ela o fez.
Fugindo dos temas polémicos que tradicionalmente incendeiam estes debates e os tornam incompreensíveis ao vulgar espectador / eleitor, foi persistente na sua abordagem positiva, construtiva e responsabilizante de cada Português do que deve ser cada passo do caminho para
uma Europa melhor para todos.
Com a sua postura, Laurinda Alves teve o enorme mérito de nos proporcionar alguns momentos de lucidez colectiva, transformando este debate num digno acto de campanha eleitoral ao qual já não estamos habituados.
Com a sua postura, Laurinda Alves ganhou pelo menos um eleitor ao movimento dos cidadãos indecisos e desiludidos da política!
ONTEM ficou demonstrado que um pequeno movimento pode fazer uma grande diferença numa campanha eleitoral feita à medida dos grandes (e necessários) partidos.
HOJE acredito que, com o seu exemplo o MEP pode levar os demais intervenientes na política a mudar o seu discurso e postura nas
muitas actividades de campanha dos vários ciclos eleitorais que se avizinham e assim contribuir para um maior esclarecimento e
participação dos eleitores.
Para o FUTURO, desejo que a vossa, ou direi melhor, nossa candidata, uma vez eleita, faça do exercício do seu mandato um exemplo de uma nova forma de fazer política. Outros a seguirão...
Muitos parabens à Laurinda Alves!

CCosta disse...

Parabéns Laurinda Alves pela sua imagem, lúcida e serena no Prós e Contras de ontem.
Acho que foi a primeira vez de há algum tempo a esta parte que consegui ver o programa até ao fim.
É que ontem apareceu alguém a falar uma linguagem de que todos nós estamos ávidos e a que não estamos habituados nos políticos. Aproximar as pessoas todas na resolução dos problemas, a partir das pequenas coisas. Afinal é um pouco isso. Cada um por si já não dá...:)Era bom que os políticos, a sociedade em geral entendesse isso... Talvez certos comportamentos sociais de alguma juventude à deriva sejam o fruto do exemplo que a sociedade política lhes tem dado, de uma vivência umbilical, pouco transparente e muito duvidosa.
É essa linguagem descodificada, humana, dos valores que é preciso restaurar e implementar, na Europa, aqui, no mundo.
Força! Boa Sorte! Esperança!

unresigned disse...

Parabéns, esteve muito bem.
A diferença é óbvia, uma lufada de ar fresco.

Objectividade, serenidade, mas determinação.

Fantástico!

(Ana Maia)

Zazi Isabel Valente disse...

Parabéns! MUITO OBRIGADO!
Enquanto há MEP há esperança!
E se para mim votar foi sempre um dever(a que nunca faltei), agora com o MEP votar vai ser um prazer! OBRIGADO

FV disse...

Bom dia,
conheço este novo partido há muito pouco tempo e tenho curiosidade em conhecê-lo melhor, como novidade que é, e dado o meu cepticismo em relação ao ambiente instalado nos principais partidos. Para isso gostaria de saber se em algum sítio posso ler as propostas que o MEP defenderia no Parlamento Europeu. Confesso que ainda não tive grande tempo para procurar, mas no site ainda não encontrei nenhuma informação específica sobre o assunto.
Obrigado

Carlos Albuquerque disse...

FV

No site do MEP há um link para o site MEP Europa
http://www.mep.pt/europa/
e o programa está em
http://www.mep.pt/images/Europa/mep%20europa.pdf

FV disse...

Obrigado!